Aparecida Ramos -  Prosa e Verso

Apenas palavras que a alma e o coração não calam.

Textos


Acima, terceira filha, início de 2015.
A mesma em meu colo, aos 2 anos.

 
?id=1368232&maxw=495&maxh=660

SETEMBRO/1989

  
Segundo filho... na foto acima, de olhinhos arregalados pra câmera rs.


pp.jpeg
Primeira filha, na foto acima, de jaqueta listrada,
?id=1368233&maxw=495&maxh=660
Dia das Mães, 2018. Filho mais novo.


Mãe de Sofia... neta mais nova (2015).
Na foto acima (colo).


 
O dom da maternidade e a missão de educar
 
Penso que fui muito corajosa... ou talvez foi porque nem tinha cabeça para pensar melhor. Naquele tempo, aos 23 anos, sem saber quase nada da vida, tive minha primeira filha. Depois vieram os demais. Foram cinco, mas uma não sobreviveu até o nascimento, infelizmente! Ela seria a terceira se estivesse aqui.
Antes de completar 11 anos de casada, tive meus cinco filhos. Foi muito difícil "criá-los", sem experiência, mas ninguém tem, não é? Filhos não vem com manual ensinando como lidar. A gente vai aprendendo é na prática, nas dificuldades, com os erros e acertos no dia a dia. E foi assim comigo também. Vivenciei muitos momentos difíceis, mas não o suficiente para me tirar a paz, nem para me fazer sentir, em momento algum, qualquer tipo de arrependimento.

A tarefa de educar é muito complexa, principalmente nos dias atuais, quando vivemos em uma sociedade midiática, na qual os atrativos estão em todo lugar, estão ao alcance de quase todas as pessoas. Essa realidade facilita o desvio da atenção, do foco dos diversos valores antes adquiridos, para os novos que estão adentrando em nossos lares através das tecnologias como computadores, notebooks, tablets, celulares etc.
Com certa tristeza e preocupação, sabemos que os filhos estão cada vez mais distantes da convivência familiar. É comum vê-los nos shoppings, nos espaços de lazer ou vendo TV, na internet, nos games da vida... etc, etc, etc. Enquanto isso, tendo em vista essa nova sociedade, os pais estão cada vez mais distantes também, fora de casa, preocupados em estudar, em trabalhar sempre mais para ganhar mais dinheiro, e assim poder oferecer melhores condições de vida à família.
Sem dúvida, essa busca contribui para que alguns valores  se percam pelo caminho, tornando assim cada vez mais escasso o convívio familiar.


Educar filhos não é uma tarefa que se aprende com a experiência simples de ter filhos, embora pareça que essa seja a única maneira de aprender. Muito menos a busca por “entendidos”, pois cada qual com sua contribuição formarão uma corrente com elos diferentes.

Educar filhos é mais que ensinar o certo e o errado, é mesmo trabalhar um projeto de vida, em que nele se definem objetivos e metas mesmo, sem querer aqui mecanizar essa tarefa, mas é assim se desejamos bons resultados.
Essa tarefa não se aprende com receitas e nem num passe de mágica, há um longo caminho a ser trilhado. Exige daqueles que dela participam, um esforço concentrado na melhoria das relações familiares e do convívio social.
Deixar de dialogar com os filhos, não ter tempo, alem de que suas respostas desconcertantes não nos permitem atuar dentro do papel de "adulto" que aprendemos com nossos pais, parece que o que aprendemos com nossos pais não funcionam, paramos perplexos, e estamos deixando que cresçam sozinhos, perdidos em seus mundos, muitas vezes exercendo uma crueldade ímpar, porque as crianças são naturalmente capazes de crueldades impensáveis e, diferente de nós, elas têm a exata noção do prazer que isto lhes causa. Claro que tudo isso observando-se dentro de um contexto sócio-histórico, com efeitos diferentes nas diferentes classes sociais, há que se pensar nessas gerações que hoje são nossas crianças e adolescentes.
O desafio é lutar pela melhor educação dos filhos numa sociedade que se transforma e faz cair por terra tudo o que tecemos durante a vida e aprendemos como certo e arraigado.

Entendo então, que a educação dos filhos ainda cabe em primeiro lugar para a família, ninguém a pode substituir.
Queila Medeiros Veiga


Parabéns para todas as Mães, em seu Dia e em todos os dias do ano!!!

Resultado de imagem para dia das mãesCarinho, amor, respeito, beijos, abraços, olhar nos olhos, ouvir suas queixas ou orientações, atenção, cuidados, compreensão, estar presente sempre que possível valem muito mais que presentes materiais, para quem as mães são lembradas apenas nessa data.
Ame ou pelo menos respeite e cuide de sua mãe, enquanto ela está aqui!
Obrigada!!

www.isisdumont.prosaeverso.net
Sou grata de coração a vocês, meus queridos, pela gentileza de comentar minhas singelas palavras!
Muito orgulho de ter vocês e tantos outros/as em minha página!
Um beijo carinhoso!

    61719-mini.jpg?v=1556332739   Maurício de Oliveira
Maravilhoso artigo que posso chamar de uma linda estória de vida, tudo relativamente coerente com o dom maravilhoso da maternidade!!! Parabéns Isis, um feliz dia das mães!!! Deus os abençoe.
Para o texto: 
O DOM DA MATERNIDADE E A MISSÃO DE EDUCAR (T6644880)

    205502-mini.jpg?v=1553455971  ADÃO NHOZINHO
Cida Ramos gostei muto desa história meio autobiográfica sua, legal mesmo.Adão Nhozinho Piauí/SP
Para o texto: 
O DOM DA MATERNIDADE E A MISSÃO DE EDUCAR (T6644880)

 64947-mini.jpg?v=1548357763   Ansilgus
Boa noite cara amiga e grande poetisa...esse seu trabalho ficou fora de série...antigamente era assim mesmo, as jovens senhoras não tinham prática e tudo aprendia com a execução das tarefas de cuidar da casa e dos filhos, até por que os maridos, quase sempre, não ajudavam em quase nada, tipo "machão", diferentemente de hoje em dia quando já trocam fraldas, botam pra dormir, varrem a casa, lavam prrato e outras necessidades do dia a dia...as mães devem ser respeitadas em qualquer situação, mas o que vemos hoje, infelizmente, é uma pleiade de filhos desobedientes, metidos em encrencas e dando dessgosto aos genitores e demais familiares...sei não, mas penso que esse mundo esstá redondamente fora dos eixos...parabéns, meu abraço, feliz final de semana com o dia das mães e tudo mais....ansilgus(sem revisão de texto).
Para o texto: 
O DOM DA MATERNIDADE E A MISSÃO DE EDUCAR (T6644880)

  201724-mini.jpg?v=1549920013   Francisco de Assis Góis
Parabens pelo artigo e pela bela família!
Para o texto: 
O DOM DA MATERNIDADE E A MISSÃO DE EDUCAR (T6644880)

201724-mini.jpg?v=1549920013  
Ótimo artigo, triste realidade!
Para o texto: 
FERNANDO FLÁVIO FLORES, 38, PRESENTE??? (T6639738)

      Foto do perfil de Antonio Melo, A imagem pode conter: Antonio Melo, sorrindo, óculos e close-up   
12/05/2019 09:25 - Antonio Melo [não autenticado*]
Parabéns linda poetisa, amiga, mãe! Parabéns pelo seu dia! Aquele abraço!
Para o texto: 
O DOM DA MATERNIDADE E A MISSÃO DE EDUCAR (T6644880)
Peguei a foto no Facebook.
 
 111001-mini.jpg?v=1527113205 Antonio laurentino Sobrinho
Boa tarde,caríssima poetisa mestra Isis Dumont,meus sinceros aplausos,pelo coerente artigo,escrito com maestria,uma narrativa perfeita do começo ao fim,ninguém poderia descrever melhor duque uma super mamãe,feliz dia das mães,que você esteja sempre com a santa PAZ de DEUS,um afetuoso abraço fraterno.
Para o texto: 
O DOM DA MATERNIDADE E A MISSÃO DE EDUCAR (T6644880)

  2184-mini.jpg?v=1556487798  Uma Mulher Um Poema
Parabéns pelo artigo e Dia das mães, Ísis! Deus te abençoou com uma maravilhosa família!Um grande abraço!
Para o texto: 
O DOM DA MATERNIDADE EA MISSÃO DE EDUCAR (T6644880)

  140088-mini.jpg?v=1557546120  Judd Marriott Mendes
Lindo de viver , amei ler...parabéns! Uma bela semana. Eu deixo o meu saudoso abraço e flores, boa noite e feliz dia das mães, digo, felizes todos dias
Para o texto: 
O DOM DA MATERNIDADE E A MISSÃO DE EDUCAR (T6644880)

      174534-mini.jpg?v=1556934221   George Gimenes
Excelente artigo! Parabéns pelos lindos filhos (e neta)! E parabéns também a você neste dia, porque na verdade todo dia e' dia da mãe! Abraços.
Para o texto: 
O DOM DA MATERNIDADE E A MISSÃO DE EDUCAR (T6644880)

100435-mini.jpg?v=1553263492   13/05/2019 11:35 - 
Professor MARCELO GUIDO NORONHA
GOSTEI MUUUUUUUUUUUUUITO!
Para o texto: 
O DOM DA MATERNIDADE E A MISSÃO DE EDUCAR (T6644880)

118732-mini.jpg?v=1349551672 13/05/2019 14:40 - 
ELIE MATHIAS
Belo e magnifico Artigo bem reflExivo. Feli dia das mães. Aplausos mil Caríssima Isis.
Para o texto: 
O DOM DA MATERNIDADE E A MISSÃO DE EDUCAR (T6644880)

184903-mini.jpg?v=1551054963  13/05/2019 15:46 - 
Takinho
É um artigo de ensinamento, de criação educacional, muito complexo, de relevância precisa. É de sabedoria de quem ama, cuida de seus filhos, porque mãe é atenção, dádiva, carinho, compreensão e um farol guiando navegantes de primeira viagem. Na realidade é o berço para acalanto das dores do mundo que as vezes atingem os filhos. Mãe é garra e sentimento, brisa suave e furacão ao mesmo tempo. Belíssimo texto! Família é a base da sociedade, ainda que o mundo ofereça tantas armadilhas. Bjs
Para o texto: 
O DOM DA MATERNIDADE E A MISSÃO DE EDUCAR (T6644880)

  152172-mini.jpg?v=1531554625 13/05/2019 19:27 - 
Tomás Santos
  Parabéns! Gostei do texto!
  Para o texto: 
O DOM DA MATERNIDADE E A MISSÃO DE             EDUCAR (T6644880)

204439-mini.jpg?v=1557349690    Lukas Louis Horta
Parabéns Nobre Poetisa Aparecida: Seu artigo está muito rico e delicado. Uma sensibilidade sem igual. Suas palavras com muita maestria e sapiência tomou conta de toda historia. As fotos belíssimas e cada uma com seu belo momento especial de mãe. Realmente hoje em dia tudo é mais fácil. Eu não tenho filho ainda, me casei agora em abril. Mas não vejo a hora de transforma minha esposa em mãe. É um sonho meu e dela podermos ser pais. Suas palavras nos leva a uma bela reflexão da beleza de uma família unida e amada. Sempre é prazeroso falar de quem amamos. E com certeza o mundo hoje é bem diferente o tempo que criaste suas filhas. Afinal hoje temos uma tecnologia que ajuda tudo e um marido que não e mais o 'machão' de antes. Então tudo é bem dividido e tranquilo. Meu amor não tem o que reclamar. Sou um eterno apaixonado e vivo mimando ela demais. Espero não estragar ela hahaha. Desculpa a brincadeira. Mas depois de ler o artigo preso pelo RL só brincando para descontrair nossa tenção. Suas palavras estão um primor uma homenagem linda e com muito teor de sabedoria. Uma salva de palmas e me desculpa a brincadeira. Foi um grande prazer conhece-la. Um grande abraço. Lukas Louis!

 
Aparecida Ramos(Ísis Dumont)
Enviado por Aparecida Ramos(Ísis Dumont) em 11/05/2019
Alterado em 22/05/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras